Programa Territórios Produtivos fortalece produtores familiares

]


Ações integradas entre Estado e Sociedade Civil promovem articulações de políticas públicas e beneficiam atividades rurais

A secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, por meio do ProRural, inicia esta semana, uma série de reuniões com  produtores rurais das cadeias da fruticultura, pesca artesanal, raízes e tubérculos, grãos, avicultura e turismo rural.  O objetivo dos encontros é a apresentação das ações do Programa Territórios Produtivos. Implementada a partir da construção de Planos Territoriais de Redes Produtivas, a proposta busca apoiar o desenvolvimento rural sustentável.

O gerente geral do ProRural, Walmar Jucá explica, que  as elaborações dos  Planos Territoriais são realizadas com a participação de instituições públicas e privadas, que contribuem para a articulação de políticas públicas e a otimização de recursos que serão investidos no fortalecimento das redes de produção. “Com a participação efetiva de representantes das associações de produtores, para cada Plano é realizado um diagnóstico, e diante das demandas, uma matriz de ações e investimentos é articulada, onde cada instituição formaliza o seu apoio à cadeia produtiva”.

Nesta terça-feira (03), a reunião para apresentação da proposta de elaboração do Plano, acontece em Glória de Goitá, com pescadores artesanais dos municípios de Lagoa do Carro, Lagoa de Itaenga, Feira Nova, Cumarú, Frei Miguelinho, Riacho das Almas e bonito. Na quinta-feira (05), técnicos e gerentes do ProRural apresentam a iniciativa em três ocasiões. Na cidade de Lajedo, o evento é direcionado aos agricultores da cadeia de raízes e tubérculos dos municípios de Águas Belas, Capoeiras, Lajedo, Palmerina, Saloá, Caetés, Jupi, Jucati, Pedra, Buíque e São João.

Na mesma data, em Pesqueira, os pescadores artesanais de Belo jardim, Bom Conselho, Pedra, Venturosa e Pesqueira participam do debate, que envolve um trabalho conjunto entre atores sociais e Estado. Ainda na quinta-feira (05), em Caruaru, o foco são atividades do turismo rural no território formado pelas cidades de Bonito, Gravatá, Saloá, Garanhuns, Bezerros, Caruaru e Brejo da Madre de Deus.

Participam das oficinas, representantes da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, instituições governamentais, prefeituras, bancos, universidades, associações e cooperativas de produtores rurais, sindicatos, entre outros.

 
SERVIÇO – Datas e locais dos encontros (início às 9h):

03/12 (Terça-feira) – Rede da Pesca Artesanal – SERTA – Rodovia PE 50 – Km 14 – Campo da Sementeira – Zona Rural – Glória do Goitá.

05/12 (Quinta-feira) – Rede Raízes e Tubérculos – Centro de Treinamento – Av. Duque de Caxias, s/n, Centro –  Lajedo.

05/12 (Quinta-feira) – Rede da Pesca Artesanal – Seminário São José de Pesqueira – Rua Comendador José Didier, s/n, Centro – Pesqueira

05/12 (Quinta-feira) – Rede do Turismo Rural – Centro de Formação Santuário das Comunidades – Sítio Juriti, s/n, BR 104 – Caruaru

Com Informações da Comunicação ProRural  

Post Author: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *