Lajedo consegue licença de operação do Aterro Sanitário que deixa ser lixão

Na tarde desta quarta-feira (30), Lajedo recebeu mais uma boa notícia. Continuando o processo de reconstrução da cidade, um dos esforços da Secretaria de Infraestrutura e Urbanismo, através do secretário Edcarlos Cordeiro foi o de devolver para Lajedo um aterro sanitário, que se transformou em lixão desde meados de 2009.
Assim que a gestão Rossine assumiu em 2013, a luta junto aos órgãos competentes para transformar o lixão em aterro sanitário foi encabeçada por todos do governo. Primeiramente se conseguiu o título de aterro controlado, o que dava ao município uma espécie de licença sob avaliação para poder, enfim, como acontece agora, conseguir a liberação por parte do CPRH.
Dos 184 municípios pernambucanos, apenas 32 cidades utilizam aterros sanitários legalizados, o que representa 17% do total. Outros 23 municípios depositam o lixo nos aterros controlados, o que representa uma situação intermediária, mas ainda inadequada. Segundo o TCE, o estado tem apenas nove aterros sanitários licenciados, dentre eles, agora Lajedo. “Conseguir essa licença de operação do nosso aterro sanitário é muito gratificante, tendo em vista tanto esforço que foi feito para isto acontecer. Lajedo mais uma vez se inclui entre as cidades mais eficientes do nosso estado, reafirmando sempre o nosso compromisso de gestão e compromisso ambiental”, comemora o secretário Edcarlos.
Com a conquista da licença para funcionar novamente como Aterro Sanitário, Lajedo se adequa a legislação federal. Além de Lajedo outras cinco cidades também serão beneficiadas com essa conquista, Jurema, Cachoeirinha, Jucati, Ibirajuba e São Bento.








Com informações da assessoria.


















Post Author: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *