Trabalhadores de diversos setores fazem protesto contra tentativa de intervenção da OAB-PE


O Sindicato dos Bancários de Pernambuco realizará um ato de repúdio contra à Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Pernambuco, na próxima quarta-feira (5). A assembleia reuniu mais de 200 bancários e recebeu o apoio de mais de 30 entidades sindicais e demais movimentos sociais, como de mulheres, juventude e negros, que estiverem presentes nesta segunda-feira (3), na assembleia geral da categoria.
A solidariedade de classe reforça a luta dos bancários, que chegam ao 28o dia de greve nacional com mais de 90% de adesão no Estado. Entre as entidades presentes na assembleia que decidiu pela realização do ato, se destacam a Contraf, CUT, Frente Brasil Popular, CTB, Levante Popular da Juventude, ABRAT e MST.
A unidade dos trabalhadores em defesa da legitimidade da greve e em repúdio à OAB Secção Pernambuco ocorre após uma série de investidas jurídicas que tentaram enfraquecer a luta da categoria. Nesta segunda-feira o Sindicato obteve uma conquista jurídica, quando a Justiça do Trabalho negou pedido de prisão contra a presidenta do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, Suzineide Rodrigues, requerido pela OAB-PE. 
“A resistência é a nossa palavra de ordem. Eles não querem o modelo de ganho real. Mas, vamos continuar lutando. Eu iria presa se fosse necessário, mas nunca trairia essa categoria que decidiu em assembleia iniciar uma greve por tempo indeterminado”, afirma Suzineide Rodrigues. 
Frente aos desafios postos para a categoria bancária em Pernambuco, a direção da Contraf-CUT esteve representada na assembleia, apresentando um panorama da greve no País. “Esta não é apenas uma greve por índice. Mas, é a resistência dos trabalhadores. Temos uma greve de ponta à ponta no Brasil, com mais de 13 mil agências paralisadas. Estou emocionado pela unidade social dos lutadores de Pernambuco”, destaca Carlos Souza. 
Os representantes de classe dos trabalhadores de diversos setores ressaltaram a necessidade do enfrentamento ao golpe que está em curso no País e o combate à retirada de direitos. Além disso, destacaram a importância da mobilização dos bancários enquanto referência de luta para as demais categorias e se colocaram à disposição para integrar as próximas atividades políticas.
Conciliação – Uma nova audiência de conciliação foi convocada pelo Tribunal de Justiça do Trabalho, através de despacho da desembargadora Dione Furtado, e será realiza amanhã (4), às 15h30. A presidenta do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, Suzineide Rodrigues, representará a entidade. Também estão convocados representantes da OAB Pernambuco, da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil.




Com informações da assessoria.























Post Author: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *